Você está visualizando atualmente Casos de sucesso MBP: Nacho Portela

Casos de sucesso MBP: Nacho Portela

Quando lhe perguntamos por que escolheu a MBP, Nacho Portela nos respondeu: “Inicialmente, os conteúdos me chamaram a atenção, mas a maneira como a MBP me fez sentir parte de sua família desde o primeiro momento, diria que foi o que me convenceu a fazer os cursos.”

Após concluir o Mestrado em Futebol de Alto Rendimento, Nacho se juntou ao Club América do México como olheiro da equipe principal, concentrando-se nas ligas sul-americanas e jogadores sul-americanos na Europa. Na verdade, há alguns meses, realizamos um webinar conjunto, no qual discutimos a importância da formação no futebol atual, que você pode assistir clicando aqui.

Nacho Portela MBP Caso Exito

 

Seus comentários sobre sua experiência na MBP são muito valiosos para nós, por isso queremos compartilhá-los com todos aqui:

Por que você decidiu fazer o curso em Barcelona?

Quando eu tinha 18 anos, tive a sorte de visitar diferentes cidades na Europa, e Barcelona foi, de longe, a que mais me encantou. Eu prometi a mim mesmo que voltaria, e quando vi o Mestrado MBP, soube que era a oportunidade que estava esperando. O contexto foi ideal para mim, e a experiência que tive foi excelente em todos os sentidos.

De que forma o curso MBP o ajudou a desenvolver suas habilidades como treinador/scout?

Eu resumiria isso da seguinte forma: agora sei o que são as famosas “bases do futebol”. Quando um time não está indo bem, é comum dizer que é necessário “voltar às bases” para retomar o caminho. Antes de fazer os cursos e o mestrado da MBP, eu realmente não entendia o significado dessa frase, mas agora entendo, o que considero extremamente importante para começar sua jornada neste esporte. A partir daí, minhas habilidades melhoraram, especialmente em relação à percepção e identificação de situações em uma partida, o que tem sido muito útil para mim como scout.

Como a MBP o ajudou a crescer em sua carreira?

A MBP me ajudou muito. Eu simplesmente não estaria na posição em que estou hoje se não tivesse me formado na MBP.

Como o curso da MBP atendeu às suas expectativas?

Honestamente, superou minhas expectativas. Acreditamos que sabemos muitas coisas por ter assistido a tantas partidas ou vivenciado certas situações no campo, mas é realmente difícil organizar todas essas informações em nossa mente. Os conteúdos dos cursos são excelentes e, justamente, ajudam a fazer isso.

Que conselho você daria aos futuros estudantes da MBP?

Eu diria a eles para começarem os cursos ou o mestrado com a mente aberta e questionarem tudo, tanto o que já sabiam anteriormente quanto o novo conhecimento que estão adquirindo. No final, todos nós vemos o futebol de maneira diferente, o que não significa que um está certo e o outro errado. Pessoalmente, me identifiquei muito com os conteúdos e a metodologia que a MBP ensina. Atualmente, continuo encontrando novas aplicações para tudo o que aprendi.

Se você tivesse que descrever a experiência com a MBP em 3 palavras, que palavras usaria?

Enriquecedor, Único, Família.

Qual você acha que foi o melhor momento do curso para você?

Estudar os fundamentos e discuti-los com os professores e colegas do mestrado, sem dúvida, foi o que me trouxe mais conhecimento e satisfação.

Qual é a maior conquista que você alcançou em sua carreira até hoje?

Profissionalmente, estar no Club América é uma conquista que eu não imaginaria alcançar em vários anos, então estou muito grato por essa oportunidade que surgiu para mim há um ano e meio. No final das contas, não acredito que as conquistas sejam definidas pelo local em que você está, mas sim pelo crescimento que você obtém dia a dia. Nesse sentido, tento aprender algo novo todos os dias para que minha jornada continue em ascensão.

Como você se definiria como treinador/scout?

Não sei se há uma palavra que me defina, mas tento ser metódico e muito atento aos detalhes. Como scout, tive que acompanhar várias ligas da América do Sul e Europa, observando muitos jogadores e fazendo relatórios, então dou muita importância em ter todas as informações, tanto quantitativas quanto qualitativas, bem estruturadas quando necessário.

Deixe um comentário